Finanças

Entenda os Sistema Financeiro Nacional e sua Influência no País

Você já ouviu falar do Sistema Financeiro Nacional (SFN)?Basicamente, o SFN é um sistema formado por um aglomerado de instituições e entidades que têm o objetivo e promover as intermediações financeira. Através do sistema financeiro que pessoas físicas, pessoas jurídicas e entidades governamentais circulam todas suas contas ativas. Ou seja, transições,pagamento de dívidas e investimentos em geral.

O Sistema Financeiro Nacional é organizado por supervisores,operadores e agentes normativos. Em suma, os chamados Órgãos normativos determinam todas as regras gerais. E seu principal objetivo é de promover o bom funcionamento dos sistemas.

Já as entidades supervisoras, são responsáveis por garantir que os respectivos integrantes dos Sistema financeiro sigam, todas as regras definidas pelos Órgãos Normativos. Ou seja, a operação tem fim de ofertar papeis intermediários para as instituições que prestam tais serviços.

Entendas as Diretrizes para o funcionamento do sistema e outros seguimentos.

Diretrizes para o funcionamento do sistema

O Conselho Monetário Nacional, é um órgão normativo. Sua principal finalidade é ser responsável por toda formulação da política da moeda brasileira. Ou seja, é tem a função de coordenar a política macroeconômica do Brasil, sejam eles em moeda ou crédito. É o CMN (Conselho Monetário Nacional)que se decide todas as metas referentes a inflação. Isso significa que todas as diretrizes de câmbio e normas para o funcionamento de todas instituições financeiras, são formuladas por ele.

“Mas, então, quem rege as normas do CMN?” O Banco Central do Brasil é a instituição competente para garantir que todos esses seguimentos se cumpram cordialmente. O BC prioriza o monitoramento de cada política e execução de créditos do país.

Órgãos Normativos do Sistema Financeiro Nacional:

  • O Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP);
  • O Conselho Nacional de Previdência Complementar (CNPC);
  • E o Conselho de Recursos do Sistema Financeiro Nacional (CRSFN).

Em especial sobrepomos o CRSFN. Este, é um colegiado de segundo grau, que integra a estrutura do Ministério da Fazenda. Sua principal finalidade é julgar, em última instância, todos os recursos contra as sanções que são aplicadas pelo BC e CVM. Aos processos referentes a de lavagem de dinheiro, todas as sanções são aplicadas pelo COAF (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) e por outras demais autoridades.

Entenda o que é banco, a instituição financeira

Basicamente, o banco é uma instituição financeira quem tem como especialização o intermédio entre o dinheiro de poupadores e daqueles que necessitam de empréstimos. Cabe ao mesmo, também, guardar todo esse dinheiro,quando os mesmos não estão sendo aplicados. Ou seu valor em contexto. O banco providencia todos os serviços financeiros para os usuários, incluindo investimentos, saques, empréstimos, entre outros.

Dentre outras tutelas, os bancos são supervisionados pelo Banco Central Brasileiro e o mesmo pelo Sistema Financeiro Nacional. Este, rege todas as regras e diretrizes que regem ambos e demais órgãos. O que concluímos assim,ser, o SFN, um sistema bancário de alto padrão legislativo e, consequentemente,uma das instituições públicas que move todo o sistema econômico do país. Sendo,assim, de grande importância para todo regimento e qualidade de todo Sistema Financeiro Nacional.

Etiquetas
Mostrar mais

Lucas Dadalt

Físico Médico com formação pela USP e atualmente cursando mestrado em Física Aplicada a Medicina. No momento trabalho em tempo parcial com programação e produção de conteúdos nos mais variados temas como, por exemplo, finanças, investimentos, saúde e marketing.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar