Finanças

Como você sabe se seu dinheiro está ou não seguro na NuConta?

Hoje, o Nubank tem sido um dos maiores alvos de investimentos, chegando a R$ 500 milhões de dólares. A cada dia, a chamada fintech tem crescido exponencialmente no mundo tecnológico e tem sido o maior banco digital das empresas e pessoas físicas. E, apesar de ainda não ter alcançado o lucro correspondente ao valor de seus investimentos, o Nubank tem potencial de ser uma das contas mais utilizadas do mundo.

Qual é o funcionamento dos Bancos?

Antes de prosseguirmos com a avaliação de segurança desta fintech, vamos explicar alguns funcionamentos dos bancos em geral. Estas instituições, basicamente, guardam o dinheiro depositado na poupança e fazem uso do mesmo para efetuarem empréstimos. Assim, todo esse dinheiro emprestado para alheios é restituído com os juros cobrados, fazendo com que o capital depositado ganhe também por estar passivo de “aluguel”.

Essa pequena fatia gera um acréscimo considerável na conta do usuário e assim funciona o ciclo de todos os bancos. É valido lembrar que todo esse crédito não corresponde ao dinheiro existente, ou pertencente, ao nome do banco. Pelo contrário, todo dinheiro em posse do banco, pertence aos seus usuários e os mesmos conseguem sacar apenas o dinheiro emprestado de outra pessoa física ou jurídica e por assim vai.

Conheça o Fundo Garantidor de Créditos (FGC)

Basicamente o Fundo Garantidor de Créditos é uma associação isenta de fins lucrativos que tem o objetivo de administrar todo o mecanismo de proteção ao acionista. Deste modo, em casos de quebras ocasionais de bancos os acionistas podem receber, como garantia, até R$ 250 mil reais do mesmo.

É claro que isso não garante um recebimento integro de todo esse valor. O FGC apenas garante, como um seguro, que, caso aconteça algum problema financeiro no banco em que você está cadastrado, consiga receber o dinheiro correspondente ao que tinha até o valor estipulado, como citamos acima.

Este seguro está disponível a qualquer pessoa física ou jurídica. Porém, são salvas as vezes em que algum problema digital (como um pane no sistema) acontece. Não que os usuários não tenham o direito a pegar esse dinheiro, mas sim que o banco não garantirá a reconstituição de imediato.

E aa conta de pagamento, como funciona?

Está aí uma distinção que é importante que você conheça. Apesar de ser chamado de banco virtual, as fintechs em geral não possuem a mesma legislação que os bancos físicos. Sendo o próprio Banco Central do Brasil, as regras são divergentes e devem ser tratadas com tal.

Mas então, como funciona a proteção de dinheiro na Nubank? Segundo o BCB, a proteção de pagamento é uma obrigação alheia ao de bancos comuns. Ou seja, as fintechs não podem emprestar o dinheiro de usuários, uma vez que não são bancos no sentido literal da palavra.

Isso significa que os cenários que podem tornar um banco ordinário em situações de riscos que necessitam de socorro, são excluídos para bancos virtuais, como o Nubank.

Mas o que acontece com o dinheiro depositado? Será transferido diretamente para o Banco Central do Brasil e o pagamento deverá ser executado até o 1° dia de janeiro de 2019. Assim, o dinheiro já depositado será ser aplicado em quaisquer títulos federais, como já é o caso do Nubank.

Deste modo, podemos concluir sim, que o seu dinheiro pode estar seguro na NuConta. Muito mais até do que quando investido num banco tradicional. Isso, devido a garantia de um dinheiro com uma quantia já especificada pelo BCB, que poderá ser requerido em momentos de falência ou problemas sistêmicos que possam ocorrer.

Gostou de conhecer um pouco mais sobre as funcionalidades de bancos e da Nubank? Dê uma olhada em nosso material e entenda mais sobre o que são fintechs. Até mais!

Etiquetas
Mostrar mais

Lucas Dadalt

Físico Médico com formação pela USP e atualmente cursando mestrado em Física Aplicada a Medicina. No momento trabalho em tempo parcial com programação e produção de conteúdos nos mais variados temas como, por exemplo, finanças, investimentos, saúde e marketing.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar